Anúncios
RSS

SEMELHANÇA

05 dez

Maiores e menores. No entanto, semelhantes!

Imagem de Deus – Voz da Verdade (ouça)

_ “Somos feitos a imagem e semelhança de Deus”

Quando ouço essa frase não há como não relacioná-la com a definição matemática de semelhança. Consideramos semelhantes duas figuras que foram ampliadas ou reduzidas de uma outra original, preservando seu formato e suas propriedades, visto que há o que chamamos de razão de semelhança, ou seja, se a aumentarmos ou se a diminuirmos, isso ocorrerá em todos os seus lados e/ou ângulos. Se compararmos nossa vida com Deus a essa definição matemática há de se observar que a aplicação deve ser a mesma.

“E disse Deus: Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança”(Gênesis 1:26). Veja que Ele nos fez com as mesmas características, em escala muitíssimo pequena, ou seja, feitos com uma razão de semelhança menor, mas pondo em nós tudo de bom que existe na soberania Dele.

Se fomos feitos conforme a semelhança de Deus, devemos ter em nós os mesmos sentimentos que Ele tem: o amor, a paz, a mansidão, a temperança, a longanimidade, a bondade, a alegria, … E quando não conseguimos por nós mesmos, temos a ajuda do Espírito Santo que faz brotar isso e muito mais em nossos corações como está registrado em Gálatas 5:22. Muitas vezes, ouvimos de pessoas não convertidas ao evangelho que apenas pelo fato de fazerem boas obras o Reino de Deus lhes é garantido. Obviamente, todos podem realizá-las, pois Deus os criou também à sua semelhança. É natural que tenhamos em nós sentimentos como esses. Se o pecado não tivesse corrompido a natureza humana e todos os sentimentos gerados pelo inimigo não tivessem tido espaço em nós, toda essa semelhança de Deus seria evidente e poderia ser observada nas nossas ações em todo o tempo. Devemos pedir ao Espírito que nos transforme, preencha e que restaure as características que recebemos do Senhor no ato tão maravilhoso da criação, “de sorte que haja em nós o mesmo sentimento que houve em Cristo Jesus”(Filipenses 2:5) – o de esvaziarmos a nós mesmos a fim de que Deus nos exalte a seu tempo.

Hoje muitas pessoas têm como ídolos os músicos, artistas e atletas. Em outras palavras, gostariam de ser semelhantes a eles. Mas o nosso ídolo tem que ser Jesus, pois é a Ele que devemos nos comparar. Se Ele nos resgatou é preciso que vejam em nós a semelhança Dele. E não é à toa que nos denominam cristãos – pequenos cristos – a imagem reduzida de Cristo. Queira se parecer com Ele. Faça tudo o que for necessário para ser semelhante a Ele. E Deus o abençoará grandemente.

Anúncios
 

Tags: ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: