Anúncios
RSS

O segredo do sucesso

05 jan

chave segredo-sucesso

Se quiserdes e estiverdes dispostos a obedecer, comereis os melhores frutos desta terra.” (Isaías 1:19)

 

     Uma das coisas mais comuns a cada um de nós é fazer uma auto-avaliação, especialmente em momentos específicos da vida, sobretudo no final do ano. Nela, sempre estabelecemos comparações, seja com anos anteriores ou com outras pessoas, as quais consideramos bem-sucedidas.

Tais avaliações e comparações, entretanto, precisam ser feitas de forma sábia e criteriosa. Não que em si mesmas elas sejam más. Ao contrário, se elaboradas com sabedoria, poderão ajudar-nos a corrigir a rota, a estabelecer novas metas para atingir objetivos propostos ou mesmo a dar prosseguimento àquilo que estamos desenvolvendo no momento.

No entanto, caso as façamos de maneira equivocada, elas podem causar sérios prejuízos tanto de ordem material quanto de natureza espiritual. O que, fatalmente, gera decepção consigo mesmo e o pior: até com Deus. Então, como avaliar-se de modo sábio e, portanto, correto?

Penso que a primeira demonstração de sabedoria é reconhecer a diferença entre sucesso do ponto de vista humano e ser bem-sucedido aos olhos de Deus. Por quê? Por haver uma distância enorme entre os dois pareceres.

Para entendermos melhor, vejamos o que significa a palavra sucesso: (latim: successu) Êxito; resultado feliz. Agora, veja bem-sucedido: 1.Que  tem ou teve êxito ou sucesso em seu empreendimento. 2. Que está bem  financeiramente (Wikipédia).

Se atentarmos para o sentido atribuído pelo homem a essas duas palavras, verificaremos que obteve sucesso em 2014 quem se destacou em alguma área (financeira, social, esportiva, científica, política, intelectual ou quaisquer outras). E, em parte, esse conceito está correto, principalmente se tais indivíduos colheram bons frutos de forma honesta. Logo, merecem nossos aplausos em reconhecimento por seus feitos e conquistas.

Por outro lado, quando observamos tal conceito sob a ótica de Deus, a qual está expressa nas Sagradas Escrituras, veremos que o Senhor tem um olhar e parâmetros  bem diferentes para declarar se alguém é bem- sucedido ou não.

Quando voltamos nossos olhos para a Bíblia, encontramos em muitos textos argumentos que fundamentam o que estou falando. Porém, como não é possível colocar todos num artigo, tomo como base para a argumentação Josué 1º: 1 ao 9, o qual registra o encontro do Senhor com Josué, a quem escolhera para ser o sucessor de Moisés, que havia morrido. Nesse texto, Deus nos revela seu conceito de sucesso e prosperidade e como obtê-los.

O primeiro deles é ter um encontro pessoal com Ele, como teve Moisés e, agora, Josué: “E sucedeu que depois da morte de Moisés, servo do Senhor, que o Senhor falou com Josué, filho de Num…” (1:1).

O segundo é saber que cada um cumpre a sua missão e é recolhido por Deus. Moisés cumprira a dele. Então era o momento de Josué assumir o comando e fazer a parte dele: “Moisés, meu servo, está morto; levanta-te, pois, agora, passa este Jordão…” (1:2).

O terceiro é estar ciente de que existe uma promessa de Deus, a qual Ele é fiel e justo para cumprir em sua vida: “Todo lugar que pisar a planta do vosso pé vo-lo tenho dado, conforme eu disse a Moisés” (1:3; ler também Números 23:19).

O quarto: estar convicto de que Deus promete estar conosco para que possamos prosperar naquilo que faremos: “Ninguém conseguirá resistir diante de ti, todos os dias da tua vida; como fui com Moisés, assim serei contigo: não te deixarei nem te desampararei” (1:5; ler Mateus 28:20b).

O Quinto: Deus está conosco; porém, não fará aquilo que nos compete. Precisamos, portanto, cumprir nossa parte na aliança: Esforça-te, e tem bom ânimo, porque tu farás  este povo herdar a terra que prometi sob juramente aos vossos pais” (1:6).

O sexto: é preciso ter cuidado para realizar as tarefas conforme o que está determinado nas Escrituras Sagradas: “Tão-somente esforça-te e tem mui bom ânimo, para teres o cuidado de fazer conforme toda a lei que meu servo Moisés te ordenou; dela não te desvies nem para a direita nem para a esquerda, para que prudentemente te conduzas por onde quer que andares” (1:7).

O sétimo: a leitura da Palavra do Pai deve fazer parte do nosso dia a dia, para que nos façamos realmente prósperos: “Não se aparte da tua boca o livro desta lei; antes medita nele dia e noite, para que tenhas o cuidado de fazer segundo tudo quanto nele está escrito, porque farás prosperar o teu caminho e então prudentemente te conduzirás/ ou serás bem-sucedido” (1:8).

O oitavo: muitas vezes, é preciso esforço, ou seja, empregar uma força além do normal para conseguirmos algo. Também não podemos ficar temerosos diante das situações ou mesmo das adversidades que nos sobrevierem: “Não te mandei eu? Esforça-te e tem bom ânimo; não te apavores nem desanimes, porque o Senhor teu Deus é contigo por onde quer que andares” (1:9).

Aqui está o segredo do sucesso de Josué. Aqui também está o nosso. Para o Senhor, ser bem-sucedido significa estar no lugar onde Ele quer que estejamos e fazer aquilo que Ele almeja que façamos, pois o Pai sempre sabe qual é o melhor caminho e o que realmente nos fará prósperos e, consequentemente, gerará genuíno sentimento de realização e felicidade.

É por essa razão que muitos se consideram um sucesso, mas Deus, lá do céu, olha para eles e os tem como um verdadeiro fracasso. É por esse motivo que tantos são bem-sucedidos segundo a ótica do mundo, porém tiram a própria vida, naufragam nas drogas lícitas ou ilícitas, vivem em depressão ou trocam de parceiros ou de cônjuges como alguém muda de roupa: eles não pautaram sua vida na Palavra do Senhor.

Muitos excluíram Deus do seu vocabulário e da sua vida. Logo, recebem os aplausos do mundo, no entanto são chamados pelo Pai de loucos, pobres, cegos e nus: “Mas Deus lhe disse: Louco! esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será?” e  “Como dizes: “Rico sou, adquiri riquezas e não preciso de nada. Não reconhece, porém, que és um desgraçado, miserável, pobre, cego e nu” (Lucas 12:20; Apocalipse 3:17).

Diante disso, só me resta dizer-lhe: se você quer ter sucesso real neste ano, procure estar alinhado à vontade de Deus. Caso o faça, mesmo que o mundo o veja como um fracassado, você será de fato e de direito um sucesso. Ainda que você não obtenha riquezas ou bens materiais como tantos outros, você será deveras feliz, pois o Senhor fará abundar toda a graça em sua vida. No entanto, não se acomode. Saia da zona de conforto e faça aquilo que compete a você fazer, que Deus certamente fará a parte dele.

Anúncios
 

Tags: , , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: