Anúncios
RSS

Um convite especial: “Vem e segue-me”

05 set

Parte 1 

o convite de Jesus nos deixa alegres

A quem se destina o convite?

Por certo, todos nós já recebemos convites de pessoas para irmos a algum lugar ou evento. E, sem dúvida, sentimos honrados, especialmente quando parte de alguém que nos é querido, especial. Porém, dentre todos os convites e de todas as pessoas, existe um que tem importância inigualável: o de Jesus, o qual nos convida para uma vida abundante aqui na terra e também para vivermos a eternidade ao seu lado lá no céu.

No capítulo 5 do evangelho de Lucas encontramos o seguinte verso: “E, depois disso(depois de ter curado um paralítico), Jesus saiu e viu um publicano, chamado Levi, assentado na recebedoria, e disse-lhe: Segue-me.” A reação desse homem foi imediata. Deixou tudo e seguiu-o. Deu ainda um grande banquete em sua casa. E isso foi motivo de muitas murmurações por parte dos fariseus e dos escribas.

Observe que Levi fazia parte dos trabalhadores do setor público responsável pela cobrança de impostos que massacravam o povo judeu. Portanto, em hipótese nenhuma, ele era bem quisto pelo povo. E Jesus estava com ele!

Quantas vezes nos pegamos fazendo o mesmo julgamento?! Achamos que Jesus só pode estar com aquele a quem julgamos bonzinhos e de boa reputação.Até nos incluímos nessa lista de pessoas. Mas afinal, a quem é feito o convite de Jesus: “Vem e segue-me.”?

No verso 31 encontramos: “Não necessitam de médicos os sãos, mas sim, os que estão enfermos”. Vemos aí que Jesus convida todos os que estão enfermos. O dicionário Aurélio traz para enfermo a seguinte definição:…aquele que está doente, achacado. Por sua vez, achacado quer dizer maltratado, molestado, acusado, tachado! O convite é então para todos os que estão em condições semelhantes a essas. Talvez você não ache que precise de Jesus por não estar doente, mas há de precisar dele por ser por natureza pecador, e por esse motivo, estar sendo acusado por Satanás diante do Trono todos os dias. Tal convite não se restringe aos menos maltratados. Estende-se a TODOS os que estão em tal condição! Nesse caso, inclui aqueles que anteriormente não acreditávamos que pudessem estar no meio da Igreja. Quantas vezes não quisemos sentar-nos ao lado do traficante, do imoral, da prostituta, do acusado de crimes hediondos, daquele que fala mal e que julga os seus semelhantes, do que acreditamos ser mentiroso, do que pisou na bola conosco e não acreditamos mais nele! Não somos melhores do que estes. A Palavra diz que “todos pecamos e separados estamos da Glória de Deus”. Se nos incluímos no convite tão precioso de Jesus por nos acharmos melhores, então já estamos fora dele!

Observe bem o verso 32: “Eu NÃO vim chamar os justos, mas, sim, os pecadores, ao arrependimento.” Se nos achamos melhores que os citados acima, ou seja, justos, já não precisamos do convite especial de Jesus. Ele não foi feito para nós! No entanto, se reconhecemos que não somos o que acreditamos ser, mas reconhecemos que necessitamos da graça e do amor de Deus a fim de ele nos livre de tais pecados, então, o convite é também para nós! Aleluia! O convite é para Todos. Basta que saibamos reconhecer a nossa condição e ver em Jesus a possibilidade de mudança de todo e qualquer percurso errado.

Vemos ainda que o convite feito por Jesus causa grande alegria. O verso 29 diz que Levi deu um grande banquete em sua casa. Só oferecemos uma festa e recepcionamos pessoas se estivermos felizes, com um motivo especial. Mostra ainda que havia ali “uma multidão de publicanos”. Que interessante! Quantas vezes não ouvimos as pessoas dizerem que as igrejas estão cheias de ex-tudo-o-que-não-presta? Levi quis compartilhar com seus amigos da sua alegria e mostrar a eles que Jesus estava acessível! É por isso que vemos tantas pessoas transformadas nas igrejas. O convite também chegou a elas assim como chegou até nós. Jesus não se incomodou de estar ao lado dos publicanos, pois foi para esses “enfermos e achacados” que ele veio sofrer tão amarga cruz.

Queiramos receber o convite especial de Jesus a cada dia em nossos corações e tenhamos o prazer de compartilhar disso com nossos amigos. Não julguemos os que estão ao redor, mas vejamos neles a possibilidade de transformação que só Jesus pode dar.

Anúncios
 

Tags: , , , ,

Uma resposta para “Um convite especial: “Vem e segue-me”

  1. Eliézer

    16/09/2010 at 15:47

    achei maravilhoso e ate chorei quando estava lendo .tambem quero dizer que acho lindo o trabalho de voces .por causa de pessoas como voces que o nome de jesus esta sendo anuciado .este é meu maior sonho anunciar o nome de jesus .que deus possa abençoar voces a cada dia .

     

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: